Publicado por: Mauricio | 01/05/2009

Não sei.

Não me leve a mal.
Mas hoje estou péssimo.
Não quero soletrar seu nome.
Ao menos contar sobre o meu dia.
Que foi longo e morno.

Eu não sei sobre tanta coisa.
Sei quase sobre nada.
Apenas murmuro seu nome.
Com palavras quase noturnas.
Amenas como o outono.

Apenas não sei se devo.
Se posso ou se nego
Mas sendo sincero me entrego.
Sem saber de tudo.
Por nada.


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: