Publicado por: Mauricio | 28/09/2007

Luabela

Papel e caneta.
Uma luz ilumina.
Da lua flutuante acima.
Através das grades.
Do andar mais alto.
Sozinho eu reflito.
E inevitavelmente
Penso na minha mulher.
Em todos os carinhos
Que dela me saciam.
Doce, como aquela lua.
É você quem prateia minha vida.
Até os caminhos do meu dia.
Pra toda noite retornar.
E me levar pra casa.
Onde moro feliz contigo.
Num lugar mais alto que o céu.
Tão perto quanto o chão.
Profundo como o mar.
Quente que nem sol.
A sua natureza é meu recanto.
Nossa cama, nosso canto.
Nela me recolho com jeitinho.
Juntando um pedacinho.
Do meu corpo no seu.
Pra te deixar dormindo.
Respirando devagar.
Flutuando em meu céu.
Serena Luabela.
Doce Isabela.
Me ilumina.

                      Mauricio Bahia


Responses

  1. O amor é lindo! Nos faz sonhar, escrever, flutuar….e cada vez mais amar.
    Viva o amor! Bjs mil para vcs.

  2. Amor…
    A vida é tão curta e tão cheia de surpresas…
    Que poucos são capazes de sentir com tal profundidade.
    Que pena.
    É tão mágico.
    “Saber amar, saber deixar alguém te amar”.

    Te amo.
    Cada vez mais e mais.

  3. QUE LINDO!


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: