Publicado por: Mauricio | 28/08/2007

Saída

Sua chegada foi violenta.
Parecia vendaval.
Intenso e descabelante.
Rodeando como fogo.
Cegando com fumaça.
Cambalenado pernas.
Paralizando olhares.

Sua passagem foi suave.
Como nuvem no vento deslizando.
Azul claro misturado ao azul púrpura.
Muro vivo de planta que cerca.
Entrelaçando a planta dos pés.
Vivendo sem pressa.
Sem deixar ao menos aliviar.
Calando bocas.

Sua saída foi idêntica.
Àquele primeiro dia.
Intenso e insensato.
Levou tudo o que tinha.
Inclusive o que de mim faltava.
Desatou sem piedade.
Qualque parte, qualquer pedaço.
Se é que ainda existia.

Mauricio Bahia


Responses

  1. Mau,
    Não sei de onde vem tanta inspiração!
    Linda.


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: